Ame os animais!: Agosto 2012

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

The Plague dogs


Olá!
Vim mostrar um filme em animação que vi. Ele retrata alguns fatos da Vivissecção e Desumanidade.
Eu vi o filme, chorei e realmente, foi triste. Conta a história de dois cachorros, Rowl ( Labrador) e Snitter ( Fox Terrier) que fogem de um laboratório após muitos testes. E encontram Tod, uma raposa com um leve sotaque que os ajuda a caçar e forma uma amizade com eles. Depois começam a ser perseguidos pelos donos do laboratório. Confesso, o final foi chocante para mim e ainda é um mistério.
Gostaram?
Vejam algumas imagens:
Essa foi uma cena de muita pena, coitado de Snitter.
Tod, alguém sabe se ela realmente morreu? :(
Ta ok, mas alguém sabe se a Tod realmente morreu?
É provável que o Snitter e o Rowf não tenham morrido, pois no livro eles foram resgatados por um barco e foram para a terra- firme e pararam de os perseguir. Mas Tod, não deu muitos sinais de vida, só de escutar seu grito e ver o caçador a pegá-la eu já penso que ela morreu. Pode até ser que tenha havido algo e ela tenha ficado viva.
Agora minhas palavras:
ME APAIXONEI POR ESSE FILME-- mesmo sendo triste--. <3
Beijoos

domingo, 5 de agosto de 2012

True Nature- Uma espécie

Bom dia!
Hoje vim trazer uma música, Hino da Libertação Animal.
Linda música:
Tradução:
E eu grito, porque em cada um deles há uma parte de mim.
E eu tenho raiva, porque eu estou fechado com eles dentro daquela gaiola.
Porque eu não vejo uma diferença entre as espécies. 
Eles sentem dor, eu sinto dor. Eles apenas querem viver. Assim como eu.

E quando é que nós vamos ver que não há diferença no sofrimento?
Uma espécie, somos todos iguais.
Somos todos seres sencientes.

Quando ele sangro, eu sangro.
Quando eles gritam, eu grito.
Quando abusam deles, também estão fazendo isso comigo e com você.
E se você quer paz então nós temos que deixar de apoiar isso

E quando é que nós vamos ver que não há diferença no sofrimento?
Uma espécie, somos todos iguais.
Somos todos seres sencientes.

E por quanto tempo ainda vamos continuar com os abusos?
Torne-se vegano, porque os animais não precisam de suas desculpas mesquinhas.
Imagine se fosse seu bebê a ser levado embora
Imagine se fosse sua vida e todos os seus irmãos e irmãs intensamente confinados.
Você consegue imaginar ser cozido vivo?
Você consegue imaginar ser sacrificado apenas por causa da sua pele?
Você consegue imaginar ser visto apenas como um produto e, no final ser cruelmente assassinado?

E quando é que nós vamos ver que não há diferença no sofrimento?
Uma espécie, somos todos iguais.
Somos todos seres sencientes.

E quando é que vamos ver que não há diferença no sofrimento.
Uma espécie, somos todos iguais.
Todos nós estamos tentando evitar a dor.


Desculpem pelas imagens do vídeo queridos, é que não achei um que só tivesse a letra.
Não sei quem cantar, mas amei a música.
Espero que tenham gostado.
Beijoos




quinta-feira, 2 de agosto de 2012

São uns filhos da p... São uns idiotas


Além do ser que matou o pobre do cachorro ainda tem a droga do delegado. '-'
Para onde estamos indo?